15 inovaA�A�es arquitetA?nicas pensadas para o futuro do planeta

revit modelagem básica

niranjana9 niranjana06 niranjana05 niranjana04 niranjana01 niranjana10 niranjana03 niranjana02Cada vez mais o problema de habitaA�A?o tem preocupado a sociedade, devido a um aumento descontrolado da populaA�A?o e o crescimento das cidades. AA� entra o papel decisivo da arquitetura contemporA?nea, quando falamos de sustentabilidade.

Contudo, por causa desse crescimento exagerado, estima-se que haverA? 10 bilhA�es de habitantes na terra, atA� 2050. Portanto, engenheiros, arquitetos e urbanistas do mundo todo estA?o tentando desenvolver soluA�A�es sustentA?veis para o uso inteligente do espaA�o. Confira algumas ideias, e tire suas prA?prias conclusA�es:

1)A�California Roll House

hype13

ConstruA�da exteriormente com uma estrutura de plA?sticoA�reforA�ado e treliA�as de fibra de carbono, que refletem o calor do sol e garantem eficiA?ncia energA�tica

A casa, que se assemelha a um rolo de sushi gigante, foi projetada para um cenA?rio desA�rtico, com o seu exterior construA�do com uma estrutura de plA?stico reforA�ado e treliA�as de fibra de carbono, que refletem o calor do sol e garantem eficiA?ncia energA�tica. Com vidros em todas as extremidades, a questA?o da privacidade A� resolvida eletronicamente por meio do bloqueio da entrada de luz no ambiente desejado. GraA�as a sua estrutura modular, a casa pode ser rapidamente desmontada e reerguida em outro terreno inA?spito;

2)A�Pasona

hype21

Em Chiyoda-ku, um distrito no centro de TA?quio, no JapA?o, um prA�dio chama a atenA�A?o em um movimentado cruzamento: das janelas, brotam galhos e folhagens em direA�A?o A� rua. Quem entra no edifA�cio, pertencente A� Pasona, uma agA?ncia de empregos, precisa dar apenas alguns passos para alcanA�ar a sala de cultivo hidropA?nico de verduras e o arrozal. Pois A�, hA? uma fazenda na sede da empresa. Em todo o prA�dio, a empresa consegue uma produA�A?o de 250 pA�s de alface por semana a�� todos destinados ao refeitA?rio da companhia, no nono andar. HA? ainda plantios com terra, distribuA�dos ao longo dos corredores do edifA�cio. Em uma A?rea para reuniA�es no segundo andar, por exemplo, funcionA?rios dividem espaA�o com tomates, mostardas e brotos de soja. O modelo de sucesso vem inspirando arquitetos de vA?rios paA�ses a desenvolver outras propostas de a�?fazendas urbanasa��.

3)A�Blob

hype31

Dentro desse a�?ovoa�� de meros 20m2, acredite, hA? tudo o que se pode esperar de uma casa ou mesmo de um home office: cozinha, banheiro, cama/sofA? ea�� armA?rios a�� na verdade, pequenos nichos organizadores. No piso, duas aberturas imperceptA�veis guardam a fiaA�A?o elA�trica e o motor que abre a porta. A?gua e eletricidade sA?o fornecidos atravA�s de uma conexA?o externa. AlA�m disso, para se integrar ainda mais ao meio, o Blob pode ter uma de suas extremidades aberta, formando automaticamente um alpendre para a casa.

4)A�Earthship

hype4

Garrafas, latas e, sobretudo, pneus velhos cheios de terra constituem os materiais de trabalho bA?sicos para que o arquiteto Michael Reynolds erga casas como essa aA� da foto. As casas tA?m um mecanismo de captaA�A?o de A?gua da chuva (e da neve, quando possA�vel) que torna dispensA?vel a necessidade de obtA?-la pelos meios tradicionais. AlA�m disso, o sistema de produA�A?o de energia natural, proveniente do sol e dos ventos, facilita o desenvolvimento de hortas tanto no exterior quanto no interior da casa. Tudo A� construA�do com material reaproveitado e reciclA?vel.

5)A�The Orange Cube

hype51

Situado em Lyon, na FranA�a, o Orange Cube funciona como um showroom de produtos de design e salas de escritA?rios. Localizado numa A?rea portuA?ria, faz parte de um projeto de revitalizaA�A?o da regiA?o, e sua fachada metA?lica A� toda perfuradaA� por cA�rculos em diferentes tamanhos, articulados ao longo da estrutura de concreto, que permitem a entrada livre da luz solar e de ventilaA�A?o. O showroom (de pA�-direito duplo) fica no tA�rreo, onde foram colocados septos brancos irregulares e perfurados por polA�gonos, onde os itens sA?o dispostos; jA? os escritA?rios estA?o distribuA�dos nos 6 andares superiores, tendo ainda no topo um terraA�o jardim com A?reas de estar.

6)A�The Dynamic D*Haus

hype61

JA? falamos aqui dessa casa em formato de origami, que muda de estrutura para se ajustar ao estado do tempo e A�s estaA�A�es do ano. De repente, a sala de estar pode se tornar jardim, o escritA?rio pode nA?o estar mais no mesmo lugar e as janelas podem se transformar em portas. Tudo isso depende do estado do tempo e A� conseguido atravA�s de trilhos, que fazem com que as divisA?rias se movam.

7)A�Very Large Structure

hype7

Essa nA?o A� a proposta de uma casa, mas de uma cidade nA?made. Segundo o seu criador, as pessoas se dispersam e saem de suas cidades de origem quando os recursos ficam escassos. a�?Este local poderia, portanto, se mover em busca de um melhor ecossistema, por exemplo, enquanto o espaA�o de origem A� restauradoa�?. Casas e edifA�cios seriam construA�dos sobre uma estrutura metA?lica movida por gigantescas esteiras semelhantes a de tratores. O projeto A� composto por trA?s nA�veis em tamanhos diferentes: o menor tem a funA�A?o de armazenamento; o mA�dio A� reservado para eliminar resA�duos, acomodar ar condicionado, entre outras funA�A�es mecA?nicas necessA?rias; e no nA�vel maior estA? o espaA�o onde A� possA�vel construir e testar novas estruturas arquitetA?nicas;

8)A�Makoko Floating School

hype8

autocad-projeto-arquitetonico

70% da superfA�cie da Terra A� coberta por A?gua, entA?o, por que limitar a nossa busca por uma residA?ncia ao restante do mundo? Makoko, um bairro pobre na periferia de Lagos, na NigA�ria, jA? estA? envolvida em um projeto que estA? criando escolas em formato de A sobre palafitas. As estruturas repousam sobre uma base de barris tA�picos de plA?stico e possuem painA�is solares, sistemas de captaA�A?o de A?gua e bombas compressoras que agregam capacidade de flutuaA�A?o quando sA?o detectados movimentos abaixo da superfA�cie. A segunda fase do projeto contemplarA? a construA�A?o de casas individuais que seguem o mesmo padrA?o estA�tico das escolas.

9)A�Lilypa

A criaA�A?o do belga Vincent Callebaut propA�e uma vila flutuante completamente autossuficiente para 50 mil pessoas. Com o formato de uma vitA?ria rA�gia, a vila seria fabricada com fibras de poliA�ster, cobertas por camadas de diA?xido de titA?nio e teria sistemas computadorizados capazes de controlar a produA�A?o de energia e dessalinizaA�A?o da A?gua. A energia utilizada seria fornecida por placas de captaA�A?o de raios solares, turbinas eA?licas e usinas movidas pelo movimento das ondas do mar e um lago projetado no centro da ilha serviria para capturar, armazenar e purificar a A?gua da chuva. O conjunto tambA�m seria coberto por um extrato de plantas alojadas em jardins suspensos e montanhas artificiais.

https://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=yxx39EH7TH4

10)A�CityHome

Produto do Media Lab do MIT, CityHome A� o que se pode chamar de fato de uma casa-camaleA?nica. A ideia A� maximizar o espaA�o em ambientes apertados. Moradias de 15m x 15m podem, por exemplo, receber 10 pessoas para um jantar, acomodar quatro para dormir e ainda virar logo pela manhA? dois escritA?rios separados com direito a sala de reuniA�es, graA�as a um sistema de paredes que se deslocam e que integra mA?veis e eletrodomA�sticos. Detalhe: se nA?o estivermos jA? voando em nossos prA?prios carros atA� lA?, poderemos fazer uso do CityCar elA�trico que se dobra ao estacionar para ocupar menos de um terA�o do espaA�o de um estacionamento normal.

hype9

11)A�Push Button House

hype101

A casa contA?iner de Adam Kalkin abre com o pressionar de um botA?o. A estrutura aberta contA�m atA� seis salas. Em uma parede hA? uma cama de casal e um banheiro com banheira; no centro estA? localizada a cozinha e a mesa de jantar; e para completar, as portas sA?o revestidas com uma biblioteca repleta de livros. Foi feito um protA?tipo para a marca italiana de cafA� illy, que fez do contA?iner, uma pop up store, com direito a barista e tudo.

12)A�Vila Vals

A residA?ncia planejada pelo arquiteto holandA?s Bjarne Mastenbroek em plenos alpes suA�A�os literalmente se integra A� paisagem. A casa de quatro quartos que abriga atA� 12 pessoas estA? encravada em uma encosta e sA? pode ser acessada por meio de um tA?nel subterrA?neo de concreto. A casa possui isolamento tA�rmico e utiliza apenas energia hidrelA�trica gerada por um reservatA?rio prA?ximo.

https://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=95jW66sOcB0

13)A�Dynamic Towers

O maior projeto de um arranha-cA�u em movimento no mundo estA? sendo construA�do em Dubai (Emirados A?rabes), em seguida, outro serA? erguido em Moscou (RA?ssia) a�� vale dizer que Curitiba, no ParanA?, A� a primeira cidade com um prA�dio giratA?rio do mundo. No Dynamic Towers de Dubai, o movimento giratA?rio de cada andar ocorrerA? de forma independente e serA? controlado por voz. Setenta e nove turbinas eA?licas produzirA?o energia entre os andares giratA?rios. Ele terA? 80 andares e 420 m de altura.

hype111

14)A�Lift House

hype121

JA? falamos aqui no Hypeness desse projeto de casas de bambu flutuantes criadas para auxiliar famA�lias de baixa renda que vivem na cidade de Dhaka, em Bangladesh. A casa flutua por conta de duas tA�cnicas: uma fundaA�A?o de ferro-cimento oca e uma fundaA�A?o com armaA�A?o de bambu cheio de garrafas pets usadas, garantindo estabilidade na estrutura que permanece estA?tica no eixo vertical. AlA�m disso, essas duas fundaA�A�es sA?o responsA?veis por captar e filtrar a A?gua da chuva, que A� armazenada e pode ser usada o ano todo.

15)A�Manta Resort

hype131

Por fim, esse hotel flutuante na TanzA?nia oferece quartos submersos. Completamente ladeados por janelas, os cA?modos quatro metros embaixo do mar fazem parecer que o hA?spede estA? convivendo diretamente com a rica fauna marinha ao redor. Quanto tempo mais antes de convertermos mais A?reas subaquA?ticas em centros residenciais?

Fonte:A�hypeness.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

autocad-pacote-premium

Sou cristã, tenho 21 anos, estudante de arquitetura e urbanismo na Ulbra em Santa Maria RS, apaixonada pelo curso e pela profissão.